Projetos de Pesquisa

 

2019-Atual

CUIDANDO DE QUEM CUIDA: EDUCAÇÃO CONTINUADA E AVALIAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE TRABALHO E SAÚDE DE CUIDADORAS DE PESSOA IDOSA EM  TEMPOS DE COVID-19

Trata-se de um estudo quanti-qualitativo, e que pretende levantar informações sobre o perfil de trabalhadores/as cuidadores nas diferentes regiões do país e mapear o impacto da pandemia de  COVID-19 para as suas condições de trabalho, informação e saúde. A pesquisa será realizada a partir de questionário online de autopreenchimento, com questões fechadas e abertas. O estudo é financiado  com recursos do Edital Ideias e Produtos Inovadores - Covid-19 - Encomendas Estratégicas. O projeto  financiado, prevê ações de pesquisa (aqui submetidas) e também a criação de um site que será  alimentado com materiais de orientação e informação sobre o cuidado de pessoas idosas no contexto  da pandemia. Os participantes da pesquisa terão a opção de cadastrarem seus emails, se desejarem,  para receberem informações disponibilizadas no site. O acesso aos materiais informativos e a  participação na pesquisa são opcionais e independentes entre si.

 

2018 - Atual

Avaliação qualitativa da distribuição, adesão e utilização das 3ª e 4ª edições da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa

Descrição: A pesquisa tem como objetivo geral contribuir para elaboração de estratégias de saúde específicas para saúde do idoso no sistema único de saúde brasileiro, a partir da avaliação qualitativa da utilização dos exemplares da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa. Como objetivos específicos: Avaliar a percepção do gestor, responsável local pela Caderneta, quanto a ação de implementação deste instrumento no seu município; Avaliar a percepção dos profissionais de saúde da atenção básica sobre a formação recebida para aplicação da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa; Avaliar a percepção dos profissionais de saúde da atenção básica quanto a utilização da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa; Avaliar a percepção dos profissionais de saúde da atenção básica quanto aos possíveis efeitos da utilização da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa na organização, rotina, monitoramento das ações e avaliação de saúde do idoso; Avaliar a percepção dos profissionais de saúde da atenção básica quanto aos possíveis efeitos da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa na qualidade de vida do usuário; Avaliar a percepção do usuário sobre a utilização da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa e os possíveis impactos na qualidade de vida do mesmo; Identificar barreiras e facilitadores em relação a utilização da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa nas Unidades Básicas de Saúde.

Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. 
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado (1) / Doutorado: (2) . 

Integrantes: Dalia Elena Romero Montilla - Coordenadora geral / Débora Castanheira Pires - Coordenadora adjunta / Aline Pinto Marques - Coordenadora adjunta / Leticia Sabbadini da Silva - Integrante / Jessica Muzy - Integrante / Diego Santana - Integrante / Daniele Novaes - Integrante / Edineia Rodrigues - Integrante.

Financiador: Fundo Nacional de Saúde (FNS)

_________________________________________________________

 

2017 - Atual

Avaliação e monitoramento da implementação das 3ª e 4ª Edições da Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa nos municípios brasileiros

Descrição: A Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa é uma ferramenta gerencial poderosa, fornecendo aos gestores municipais condições para aumentar a eficiência, efetividade e equidade dos recursos aplicados em programas de saúde. No entanto, um problema subjacente à sua consolidação é a falta de mecanismos de monitoramento de sua implementação e avaliação de seus resultados. As 3ª e 4ª Edições da Caderneta foram impressas e estão sendo distribuídas desde 2015 para os municípios que aderiram ao programa. Desde sua distribuição não foi realizado nenhum acompanhamento da implementação destas edições. Por este motivo, é importante solidificar a posição deste instrumento na gestão em saúde da pessoa idosa no Brasil verificando o andamento de sua implementação, seja quanto à sua efetiva distribuição, quanto à adesão dos gestores, profissionais de saúde e usuários, ou ainda quanto ao seu correto uso pelas Unidades de Atenção Básica. 

Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. 
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado (1) / Doutorado: (2) . 

Integrantes: Dalia Elena Romero Montilla - Coordenadora geral / Débora Castanheira Pires - Coordenadora adjunta / Aline Pinto Marques - Coordenadora adjunta / Leticia Sabbadini da Silva - Integrante / Jessica Muzy - Integrante / Diego Santana - Integrante / Daniele Novaes - Integrante / Edineia Rodrigues - Integrante.

Financiador: Fundo Nacional de Saúde (FNS)

_________________________________________________________

2017-2019

Projeto de desenvolvimento de App da Caderneta Virtual de Saúde da Pessoa Idosa

Descrição: Desenvolver aplicativo de uso livre de apoio à atenção em saúde da pessoa idosa, utilizando para isso a Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa.

O projeto foi desenvolvido em parceria com o Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação em Saúde da Fiocruz (CTIC).

Situação: Finalizado; Natureza: Desenvolvimento tecnológico. 
Alunos envolvidos: Graduação: (1)  / Doutorado: (4) . 

Integrantes: Dalia Elena Romero Montilla - Coordenadora geral / Jéssica Muzy - Coordenadora adjunta / Aline Pinto Marques - Integrante / Leticia Sabbadini da Silva - Integrante / Débora Castanheira - Integrante.

Financiador: Fiocruz.

_________________________________________________________

2016 - 2018

Validação do Questionário Europeu de Literacia em Saúde (HLS-EU) e avaliação do nível de literacia em saúde de parcela da população brasileira

Descrição: Validar o Questionário Europeu de Literacia em Saúde (HLS-EU-PT) e avaliar o nível de literacia de parcela da população brasileira. 

Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. 

Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) . 

Integrantes: Dalia Elena Romero Montilla - Integrante / José Luis Telles de Almeida - Coordenador / FREDERICO PERES - Integrante / Antonia Oliveira da Silva - Integrante.

_________________________________________________________

2012-2014

Projeto para material didático sobre informação, indicadores e políticas públicas de saúde dos idosos

Descrição: Produção de material didático para atividades de ensino sobre informação, indicadores e políticas públicas de saúde dos idosos, para utilização na área de planejamento e gestão de saúde do idoso do Estado do Rio de Janeiro. Um dos objetivos é que esse material seja utilizado na capacitação dos gestores de políticas de saúde da pessoa idosa do SUS. Essa iniciativa é parte da capacitação para utilização do Sistema de Indicadores de Saúde e Acompanhamento de Políticas do Idoso (SISAP-Idoso). O SISAP-Idoso é um site que busca disponibilizar indicadores de diferentes dimensões da saúde dos idosos, relacionando-os com políticas públicas de saúde. A capacitação do usuário alvo é de fundamental importância para que o SISAP-Idoso se torne uma ferramenta eficiente no cotidiano de trabalho dos gestores de saúde. Busca-se, assim, incentivar a reflexão sobre os insumos que representam a informação e as pesquisas na área de planejamento e vigilância da saúde dos idosos para a gestão nos diferentes níveis. Serão apresentadas as principais questões relativas aos sistemas de informação em saúde e políticas de saúde dos idosos, relacionando esse conhecimento ao cenário do estado do Rio de Janeiro. Nesse sentido, o material didático será parte essencial para o desenvolvimento de habilidades e competências necessárias à prática do gestor de saúde do idoso.. 

Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. 
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (2) . 
Integrantes: Dalia Elena Romero Montilla - Coordenador / Débora Castanheira - Integrante / Aline Pinto Marques - Integrante / Leticia Sabbadini da Silva - Integrante.
 

Financiamento: FAPERJ

_________________________________________________________

2012 - Atual

Análise do nível, estrutura e tendências das Internações de Idosos por Condições Sensíveis à Atenção Primária (CSAP) no Rio de Janeiro e Minas Gerais

Descrição: As internações hospitalares consideradas evitáveis, por meio de uma assistência oportuna e adequada da atenção primária, representam um importante marcador de resultado da qualidade dos cuidados de saúde nesse nível de atenção. Na Portaria 221 (17 de abril de 2008) definiu-se que o Indicador de Internações por Condições Sensíveis à Atenção Primária (ICSAP) seja utilizado como instrumento de avaliação da atenção primária e/ou da utilização da atenção hospitalar, podendo ser aplicada para avaliar o desempenho do sistema de Saúde nos âmbitos Nacional, Estadual e Municipal. Estudos realizados em outros países, especialmente na Espanha, mostram a relevância desse indicador para a população idosa. No Brasil, ainda não se dispõem desse tipo de estudos que considerem as particularidades das internações de idosos, apesar de sua intensa transição epidemiológica e do seu acelerado processo de envelhecimento populacional. Isto dificulta a comparação das possíveis desvantagens em relação à outros países vizinhos no âmbito da expectativa de vida, e mais ainda quando comparado com países desenvolvidos como o Japão. Neste trabalho compara-se Rio de Janeiro com Minas Gerais, por ser o primeiro o estado com maior índice de envelhecimento (perdendo apenas para o Rio Grande do Sul) enquanto Minas Gerais tem maior desenvolvimento da atenção básica para atenção da saúde dos idosos. Objetivo Geral: analisar as Internações dos Idosos por Condições Sensíveis à Atenção Primária (CSAP) como estratégia de avaliação da atenção primária, tal como a Estratégia de Saúde da Família oferecida pelo SUS; analisar a relação entre a cobertura dos programas de atenção básica e o nível de ICSAP assim como suas desigualdades sócio-regionais e demográficas. Método: O desenho do estudo é retrospectivo, e abrange as internações de idosos residentes no estado do Rio de Janeiro e no estado de Minas Gerais do ano 2000 a 2010 por alguma CSAP, nos hospitais e clínicas conveniadas com o Sistema Único de. 
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. 
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . 

Integrantes: Dalia Elena Romero Montilla - Coordenador / Aline Pinto Marques - Integrante / Leticia Sabbadini da Silva - Integrante / Jessica Muzy - Integrante.

Financiador: CNPQ

_________________________________________________________

2009 - Atual

Sistema de Indicadores de Saúde e Acompanhamento de Políticas do Idoso (SISAP-Idoso)

Descrição: O SISAP-Idoso, de consulta online por meio do seguinte endereço eletrônico www.saudeidoso.icict.fiocruz.br, disponibiliza indicadores de saúde do idoso e de seus determinantes para todos os municípios brasileiros e unidades federadas assim como políticas e programas que contemplem a saúde do idoso. No sistema relacionam-se ambas dimensões com a finalidade de oferecer ao gestor uma ferramenta de acompanhar e monitorar de metas e políticas no seu território. O Sistema compreende os seguintes objetivos centrais: 1. Oferecer aos gestores em saúde informações e indicadores que auxiliem a tomada de decisões e o planejamento de ações voltadas à população idosa, tanto no âmbito municipal como estadual. 2. Sistematizar e acompanhar as políticas, programas e instrumentos de gestão, como o Pacto pela Vida, relacionadas com a saúde do idoso. 3. Oferecer informações acerca das condições de saúde e qualidade de vida da população idosa nos diferentes níveis a pesquisadores e interessados na temática. 4. Propor indicadores diretos ou indiretos de monitoramento de metas e diretrizes pactuadas pelas políticas e programas nacionais e internacionais. 5. Disponibilizar o acesso livre e universal à informação em saúde.. 
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. 
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . 

Integrantes: Dalia Elena Romero Montilla - Coordenador / Aline Pinto Marques - Integrante / Débora Castanheira - Integrante / Leticia Sabbadini da Silva - Integrante / Heglaucio da Silva Barros - Integrante / ALMEIDA, WANESSA DA SILVA DE - Integrante / Jessica Muzy - Integrante / Leo Maia - Integrante.

Financiador: Fundo Nacional de Saúde (FNS)

_________________________________________________________

2009 - 2011

Estudos das condições de saúde e de mortalidade dos idosos com internações de longa permanência nas unidaes do sistema único de saúde no Rio de Janeiro

Descrição: O presente projeto tem como objetivo avaliar as condições de saúde e de mortalidade dos idosos com internações de longa permanência em unidades do Sistema Único de Saúde (SUS) situadas no Estado do Rio de Janeiro utilizando dados secundários dos sistemas de informação em saúde.. 
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. 
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) . 

Integrantes: Dalia Elena Romero Montilla - Coordenador / Raulino Sabino da Silva - Integrante / Ana Cláudia Barbosa - Integrante / Aline Pinto Marques - Integrante / Daniel Groisman - Integrante.
 

Financiador(es): FAPERJ  / CNPQ